domingo, 13 de junho de 2010

Pétalas de rosas

Que eu enjôo de tudo é verdade. Mas como é que eu posso enjoar de algo que vive me surpreendendo?

Nenhum comentário:

Censura

Se escrevo essa poesia agora é porque ainda ninguém me parou ela só está neste pedaço de papel porque ninguém o encontrou e picotou. Se...