segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Quatro no dia oito

1- O que eu mais quero na vida
(ou talvez só neste momento agora)
é escrever poemas
poemas e mais poemas
para alguém
em papeizinhos coloridos
e mais nada,
mais nada.

2- Às vezes (um monte delas)
eu digo não alto (ou baixo mesmo)
e tudo que eu quero dizer é sim, um milhão de vezes
até os meus dentes caírem da boca.

3- Eu dou risada alto
só para esconder o meu medo
mas todo mundo sabe disso.

4- hapiness can be written through a very, very sad song.

2 comentários:

Fran disse...

Eu realmente adoro o que tu escreve . :D

felipe sanches disse...

"And in the end, the love you take
is equal to the love you make".

Viela, montanha, isolamento

Por que desviei? Por que não observei, por que não ouvi o seu chamado? Em que viela, montanha, isolamento eu estava? Quando você apar...