sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Abandono

Muitas crianças, em determinadas situações, têm medo que os seus pais as abandonem. Uma vez eu e minhas irmãs fomos com nossos pais numa loja japonesa chamada "Sanrio" de bichinhos verdes, rosas, roxos e estojos e lapiseiras e papéis de carta e um mundo infinito de coisinhas de menina. Eu não lembro com quem ficamos, não lembro por quanto tempo, não lembro de muita coisa, só de ficar na porta da loja, sem entrar naquele mundo de coisinhas, com medo dos meus pais não voltarem nunca mais.

Nenhum comentário:

Censura

Se escrevo essa poesia agora é porque ainda ninguém me parou ela só está neste pedaço de papel porque ninguém o encontrou e picotou. Se...