terça-feira, 12 de março de 2013

você me olhava diferente

O meu amor por você pode ter sido curto
mas foi barbudo e verdadeiro.
Você, o Pessoa e aquela janela
- e o meu medo
do seu filho, dos seus dez anos a mais,
do seu pé no chão.
Eu sei que te deixei sentindo falta,
mas as vezes o amor é mesmo curto
nem sempre barbudo
mas sempre verdadeiro.

Nenhum comentário:

Lixo

As pessoas acham poesia uma coisa tão babaca sem propósito lixo Eu faço poesia na minha cabeça enquanto observo as pessoas Enfio a mã...