domingo, 27 de março de 2011

Dentro dele

Deitei minha cabeça no peito dele. Ele nem imagina, mas algo extraordinário aconteceu: eu ouvi o coração dele pulsando, lá de dentro. Com a outra orelha eu pude escutar os sons da rua, das pessoas passando, dos carros, das plantas. Não sei como explicar ele estando lá, vivo, bem do meu lado, e as pessoas andando na rua, as ambulâncias, as folhas das árvores balançando. Ninguém parou, nem por um segundo. O coração dele também não. Ele respirava, o coração batia, e eu ali, participando da vida dele. O meu coração batia também, mas ninguém ouviu. Há tempos corações batem dentro das pessoas, e eu descobri o dele.

2 comentários:

Letícia Santos disse...

Há tempos coisas acontecem dentro das pessoas. Acho que você descobriu algo dentro dele. Algo dentro de você

=)

Tucha disse...

Que entre vcs sempre o coração bata suave, no aconchego e forte nos momentos mais intensos do amor. E redescubram o "dentro"

Viela, montanha, isolamento

Por que desviei? Por que não observei, por que não ouvi o seu chamado? Em que viela, montanha, isolamento eu estava? Quando você apar...