quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Se molhava você

Sem saber onde te encontrar
Fui caminhando devagar
De esquina em esquina eu virava pra ver,
Se quem vinha era você
Você, como sempre, não veio
Tudo ficou assim, tão feio
Eu triste, vazia
A minha tristeza invadiu o dia
Invadiu o céu, as nuvens
E o mundo, de repente, começou a chover
Só pra ver se molhava você...

2 comentários:

Mariazinha disse...

sem comentários.
Arrepiei

Anônimo disse...

Não vou deixar que minhas roupas sequem jamais...

poetinha

poetinha desligado  lê poesia pra mim tira soneca na rede anda descalço o que vai ter pra comer no café da manhã essa sereia ta...