quarta-feira, 28 de março de 2012

db

Como um personagem de infância, hoje eu te procurei.
Encontrei escritos antigos, mas não você.
O seu nome foi o que me fez sorrir hoje, quando eu quis chorar.
Você é o meu personagem de infância, e eu queria saber se você é real.

Nenhum comentário:

Uel

Não me lembro em que momento eu te achei mais interessante abri a porta e me deparei com aquele bigode estranho mas o seu abraço ...