quarta-feira, 10 de agosto de 2011

(1) amor; (2) falta

O amor é incompleto e sempre falta alguma coisa:
Uma ponta, um pedaço, um pouco.
Mesmo quando é inteiro, é incompleto.
E isso não tem nada a ver com a falta de amor.
É que amor e falta são complementos,
são irmãos, parceiros, são juntos.
Mas que fique bem claro, que não reste dúvidas:
isso não tem nada a ver com a falta de amor.

Nenhum comentário:

Censura

Se escrevo essa poesia agora é porque ainda ninguém me parou ela só está neste pedaço de papel porque ninguém o encontrou e picotou. Se...