domingo, 26 de dezembro de 2010

venha

Dói tanto para uma mulher se arrumar para alguém que não vem.

Um comentário:

Anônimo disse...

Eu sempre estou aí...

seu peito

seu aperto no meu corpo seu cheiro de cigarro suas poesias  repetidas seu repertório de canções suas piadas praça é nossa ...