quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Primeiro de novembro

Fiquei tão feliz com as flores, não sei se você sabe exatamente o quanto.
De repente me deparei com um sinal de que eu pertenço aqui. Um sinal de que alguém sente a minha presença, eu tenho a capacidade de fazer alguém feliz. "Ei, olha o que tem de lindo no mundo, nesse mundo, ao seu redor, bem aqui." E eu sorri. Você faz com que eu me sinta importante nesse lugar onde ninguém importa.

Nenhum comentário:

Censura

Se escrevo essa poesia agora é porque ainda ninguém me parou ela só está neste pedaço de papel porque ninguém o encontrou e picotou. Se...