quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Quero ser de mim

Eu fico em silêncio,
em dias como este,
porque eu não sei o que dizer.
Eu pertenço a alguém:
isso é tão novo pra mim.
Quero ficar em silêncio,
pra ver se eu consigo ser minha,
pelo menos por hoje.

Nenhum comentário:

Censura

Se escrevo essa poesia agora é porque ainda ninguém me parou ela só está neste pedaço de papel porque ninguém o encontrou e picotou. Se...