segunda-feira, 12 de julho de 2010

Direção

Na volta, parecia que a gente estava indo em direção ao pôr-do-sol, e estávamos mesmo indo porque é isso que se faz a vida toda. Eu fiquei aliviada de ver que ao meu lado estava ele. É ele, eu pensei. Acho que eu finalmente o encontrei.


2 comentários:

Anônimo disse...

Engano seu. Essa flecha vem em minha direção...

Maria Clara Moraes disse...

Se vc não é GB, esquece.

Censura

Se escrevo essa poesia agora é porque ainda ninguém me parou ela só está neste pedaço de papel porque ninguém o encontrou e picotou. Se...